Outubro Rosa – Conheça sua melhor parceira: você mesma!

Outubro chegou e com ele a campanha do Outubro Rosa. Por isso, demos algumas dicas para você conhecer sua melhor parceira na prevenção ao câncer de mama: Você mesma. 👩💕

Conheça seu corpo

Para começar, é sempre bom reforçar a importância do auto-exame. Ele deve ser feito todo mês, logo após a menstruação. Fique atenta diante do aparecimento de nódulos nas axilas ou nas mamas, alteração no contorno natural das mamas, desvio do bico dos seios, descamação da aréola ou ao redor do bico ou, ainda, a presença de sangue ou secreções ao apertar o mamilo.

Vá ao médico regularmente

Caso seja detectado em estágio inicial, as chances de cura do câncer de mama são maiores do que 90%. Por isso, os exames de rotina são cuidados que as mulheres não podem deixar de lado. A ida ao médico deve ser feita, pelo menos, uma vez ao ano.

Ao completar 35 anos, toda mulher deve fazer uma mamografia e após os 40, ela deve ser feita anualmente. Porém, as mulheres classificadas como alto risco de desenvolver a doença, deverão fazer esse controle ainda mais cedo.

Por sua saúde, tem que ter disposição!

A atividade física pode ser uma importante aliada na prevenção ao câncer de mama. De acordo com a Sociedade Brasileira de Mastologia, quanto mais gordura o corpo possui, maior é a produção de estrogênio pelo tecido adiposo. As células cancerígenas utilizam esse estrogênio como um combustível, já que ela atua nas células mamárias.

Os exercícios também ajudam a diminuir a quantidade de insulina que circula no corpo. A insulina é responsável por induzir a multiplicação de células. Ter altos níveis desse hormônio no sangue torna-se perigoso.

A alimentação é sua aliada

Um dos segredos para ajudar na prevenção do câncer de mama pode estar no seu prato. Segundo o INCA, o Instituto Nacional do Câncer, quando combinada a outras práticas, como exercícios físicos e controle de peso, a alimentação saudável pode diminuir em até 40% as chances de a doença aparecer. O Instituto ainda afirma que, um em cada três casos de câncer poderia ser evitado com a adoção desses três hábitos.

A presença de vitaminas, fibras e outras substâncias na dieta também colaboram para evitar alterações celulares e ajudam na defesa natural do corpo contra agentes cancerígenos.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn