5 coisas sobre a corrida

Esta modalidade de exercício fortalece os membros inferiores, a capacidade respiratória, mantém o coração são, previne o diabetes e turbina a disposição.

1. É considerada um remédio natural
“Um dos primeiros efeitos da corrida no organismo é a sensação de bem-estar, acompanhada de relaxamento e mudança de humor”, explica Páblius Braga, médico do esporte, do Hospital 9 de Julho (SP). Um estudo da Universidade da Geórgia (EUA) concluiu que a prática é até três vezes mais eficaz do que os medicamentos antiansiedade. A atividade é indicada também para o tratamento de depressão clínica e outros distúrbios psicológicos.

Veja também: Drauzio Varella: “A corrida é um antidepressivo poderoso”

2. De bem com o joelho
Correr aumenta a massa óssea e ajuda a travar a perda relacionada à idade, de acordo com a Universidade de Boston (EUA). Porém, deve-se ter cuidado com os joelhos, alerta Braga. “É preciso orientação médica antes de começar ou retornar à prática do esporte, já que a corrida é um exercício que tem uma repetição de movimentos e isso pode levar a lesões, caso não haja orientação adequada”.

3. Saúde sob controle
Pesquisadores britânicos concluíram que correr entre cinco a seis horas semanais reduz em 24% a chance de câncer de cólon e em 30% o risco de câncer de mama em mulheres. Braga acrescenta que, para ambos os sexos, a corrida ajuda a manter o peso corporal, “diminui o percentual de gordura, melhora o aproveitamento da insulina, prevenindo o diabetes, além de contribuir para a circulação geral”.

Leia: Exercícios contra o câncer

4. No ritmo cardíaco
O exercício regular pode reduzir tanto as deficiências do coração quanto o risco de morte, causando melhora do ritmo cardíaco, redução de inflamações e aprimoramento das respostas sobre as funções de memória, como pensar e aprender, segundo pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade de Stanford (EUA).

5. Três vezes por semana
Esta é a frequência mínima para que a corrida traga resultados à sua saúde. “As sessões devem ter duração de 30 a 60 minutos. Corredores mais experientes podem fazer sessões mais longas, mas com atenção ao descanso após o treino”, diz Braga. Ao adotar a corrida como atividade física, lembre-se de que ela vai impulsionar a qualidade do sono e a concentração durante o dia.

Veja: Exercícios melhoram a qualidade do sono

Fonte: Revista Viva Saúde

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Iniciar atendimento
Olá!

Seja bem-vindo a Central de Relacionamento Tommasi. Tem alguma dúvida sobre algum serviço ou procedimento, estamos à disposição para melhor atendê-lo.

Nosso atendimento funciona de segunda a sexta, das 7h30 às 17h30 e aos sábados – Das 7h30 às 12h. Em outros horários, envie uma mensagem na nossa página Fale Conosco.